Projota lança novo álbum: “A Milenar Arte de Meter o Louco”

O rapper Projota lança hoje seu novo álbum “A Milenar Arte de Meter o Louco” (AMADMOL), em CD e álbum digital, e disponibiliza em seu canal oficial, no YouTube, o clipe da música que dá título ao seu novo trabalho. O vídeo se passa em um hospital psiquiátrico e Projota interpreta um “louco” que sonha com a liberdade e com a possibilidade de expressar sua arte através das suas rimas.

Bastante autobiográfico, o novo trabalho de Projota aborda questões fortes da vida do artista, principalmente “a milenar arte” dele e de milhares de jovens de periferia que “meteram o louco” e superaram todas as adversidades que a vida lhes impôs.

O álbum reúne 12 músicas e conta com as participações especiais de Mano Brown (“Prefácio”), Karol Conka (“Mais Likes”), Rashid (“Segura seu BO”), Haikaiss (“Pique Pablo”) e Anavitória (“Linda”). A foto da capa do disco, uma provocação nua e crua sobre as facetas “normais” e “loucas” de cada um, tem a direção de arte de Rui Mendes e o projeto gráfico de Sandro Akel.

É a primeira vez que o rapper atua em um clipe. Sua experiência como ator vem da participação na série “Carcereiros”, da Rede Globo, onde também realizou um laboratório para atores. Foi durante as gravações da série que surgiu a ideia e a concepção do clipe de “A Milenar Arte de Meter o Louco”.

Para ele, é uma grande oportunidade de mostrar esse novo lado. “Tínhamos uma missão muito difícil de representar minha loucura, respeitando as pessoas que se encontram em situação como a do vídeo. Me preparei muito para atuar ao lado de profissionais incríveis do teatro e manter o nível que buscávamos”, destaca ele.

Para Projota, a parceria com a diretora Gabi Brites foi única. “Confiei no trabalho da Gabi, que respondeu acima da altura, entendeu e comprou minha ideia. Movemos montanhas para conseguir chegar nesse resultado, que para mim é surreal. Um videoclipe de alta qualidade técnica e também sentimental, carregando muita força dentro dele. O negro representado com força e com intensidade poucas vezes vista”, afirma ele.

Confira o clipe:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.