Namoro e Casamento: Valores Invertidos

Valores invertidos. Sim, bem invertidos. Do nosso lado (homens) e do lado delas. Culpa nossa e culpa também delas. Nenhum lado mais ou menos que o outro. O desvio infelizmente acontece por todos os lados. Com já é de costume o padrão divino e bíblico é trocado pelo diabólico e terreno. Culpa do pecado? Sim, mas isso não é desculpa para aqueles que conhecem a verdade e foram libertos pelo sangue de Jesus. Precisamos restaurar nossos valores como cristãos! Esse é o processo natural de sermos transformados de glória em glória até sermos como Cristo.
Bem, não sou casado. Não sou especialista em relacionamentos. Mas acredito que ninguém precisa de 40 anos de casamento para perceber que estamos pensando, planejando e agindo errado sobre ele. Então aqui vai uma humilde opinião tanto para homens como para mulheres. Se você considerar verdade pense, ore e peça renovação de mente ao Senhor. Se não, passe por mais esse texto e espere outro que lhe agrade. Só não faça isso para sempre.

Para Eles


Nós homens estamos preocupados demais com a carreira profissional, dinheiro, carros, apartamentos, investimentos, sucesso, e posição de importância em algum cenário social. Precisamos obter sucesso em tudo antes de obter sucesso num noivado e casamento. Estamos juntando tesouros na terra antes de juntá-los no céu. Estamos tratando nossas namoradas e esposas como mais um troféu de uma carreira bem sucedida. Vergonha total! Até o cristianismo as vezes se torna mais umas das áreas que precisamos mostrar sucesso e sermos importantes como o trabalho.

Mas nosso sucesso não está aqui. As mulheres não são nossos troféus. Namorar ou casar não é status social. Não é preciso preencher pré requisitos mundanos para casar. Precisamos definir melhor nosso sucesso como homens de Deus. Homem bem sucedido é aquele que tem em Cristo seu tesouro e que é capaz de abrir mão de tudo por Ele. Homem de sucesso é aquele servo bom e fiel que será abraçado por Cristo na eternidade!

Também é culpa delas


Incluo as mulheres como culpadas nesse desvio de valores masculinos. E aqui fica minha indignação também. Nossas mulheres cristãs tem se preocupado demais com a condição financeira e de conforto que poderão ter no casamento. Estão se preocupando demais com o contra cheque de seus namorados e noivos. Estão se preocupando demais com o quanto vão poder gastar com elas no salão e shoppings. E com isso vocês mulheres têm valorizado demais os homens que valorizam as ambições desse mundo.

É até triste dizer e avisar isso. Mas as mulheres têm valorizados homens que valorizam mais a carreira do que elas próprias. E nisso um casamento não se sustenta feliz. Valorizem aqueles que valorizam Jesus acima de tudo e que tratem vocês como filhas de Deus com temor e tremor. Pensem nisso. Queira um homem que vai lhe servir da melhor formar possível e não que simplesmente vai lhe sustentar enquanto trabalha.

Para Elas


Mulheres e suas vaidades estão invertendo e muitos os valores. Algumas se defendem dizendo que ser vaidosa é natural da mulher. E é mesmo, nós gostamos de mulheres que se cuidam. Problema é quando a vaidade torna a beleza externa mais importante do que a interna. Vocês mulheres estão cuidando muito do corpo, valorizando demais a sensualidade. Estão querendo reconhecimento pelo físico e não pelo caráter. Vocês inclusive disputam uma guerra silenciosa entre si. E dentro das igrejas até. Quem está mais bonita? Quem tem as melhores roupas? Quem atrai mais olhares? Ridículo… Roupas mais curtas e caras andam desfilando por ai.

Essa não é a beleza que realmente importa. Essa não é a qualidade que mantém um casamento por décadas. Essa beleza não irá atrair nada além de “meninos” que tratam mulheres como troféus. Mulher bonita de verdade é aquela que reflete a beleza da santidade. Aquela que está em Jesus e guarda seu corpo e sua beleza física para o marido. Aquela serva fiel que antes de ser bonita por fora tem uma vida piedosa por dentro. Se você é linda por dentro você encontrará um homem de Deus que também lhe achará linda por fora.

Também é culpa deles


E aqui também está nossa parcela de culpa. Se as mulheres estão trocando os valores da beleza interna pela beleza externa é porque temos valorizados demais o corpo. Temos olhados demais para o físico. Julgados as mulheres pela aparência. Será que ela vai ser assim por muito tempo? Ela malha? Vai engordar? Vai ser parecida com a mãe? Mais ridículo ainda. A verdade é que queremos nossos troféus bonitos e brilhando por mais tempo possível. Mais isso também não mantém nenhum casamento feliz.

Achar sua namorada e esposa bonita é essencial. Mas perceber nela os valores de Deus e se apaixonar por isso é bem mais importante. E tenho certeza que quando nos apaixonamos por uma mulher por quem ela é em Jesus vamos achá-la linda também por fora não importa como ela seja. Mulher linda e atraente é aquela que guarda o corpo e o coração. Pensem nisso.

Resumindo, homens querem troféus e mulheres querem ser esses troféus. Culpa dos dois.

Feliz dia dos namorados pra quem namora ou é casado. Valorizem-se um ao outro da maneira certa. E pra está quem solteiro, procure com a lente dos valores de Deus.

Soli deo gloria

Texto escrito por Pedro Pamplona e retirado do site evangelhourbano.com 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.