De que adianta chorar o leite derramado?


Contagem regressiva para que se iniciem os jogos da Copa do Mundo em nosso país, e nos deparamos com inúmeros protestos, greves, e paralisação de algumas das classes de trabalhadores em nosso país, alguns visam um reajuste salarial, outros clamam por escolas, hospitais, e condições de trabalho “padrão FIFA”.

A questão é, será que todas essas paralisações vão adiantar a essa altura do campeonato? A Copa não poderá ser adiada! Vamos sim, sediar esse evento de escala mundial e de tamanha grandeza. Vale ressaltar que não temos a estrutura adequada para recepcionar tal evento (embora muito tenha sido superfaturado como de praxe), veremos muitos estrangeiros perdidos, provavelmente um maior número de acidentes, hospitais abarrotados, entre outras coisas mais. 

“Não vou torcer contra, até porque o que tinha que ser gasto, roubado, já foi. Se fosse para protestar, que tivesse sido feito antes”, frase dita por Joana Havelange, para os leigos Joana é diretora-executiva do evento, e filha de Ricardo Teixeira. Tamanha foi a repercussão dessa declaração, porém muito verdadeira quando analisada, afinal por que chorar o leite derramado?

Foi fantasiado no “Estado de S. Paulo”, perdoem-me, digo, “noticiado” que os ‘Black Blocs’, juntamente com o PCC causarão total caos durante a Copa, pois bem, não perderei meu rico e precioso tempo, entrando a fundo nessa notícia comprada, e que visa manipular ainda mais o publico, com a divulgação de noticias falsas (até porque o caos fluirá pelos fatos que virão a suceder-se). Mas vale mencionar que há rumores de uma manifestação no Itaquerão, no inicio da Copa, agora se haverá ou não, só aguardando para ver.

A verdade é o povo brasileiro é fissurado em futebol e isso não é novidade, logo os que terão a chance de comparecer aos estádios, ou até mesmo aqueles que vão se reunir com a galera para acompanhar os jogos, o farão. Exemplo de que os brasileiros vão apoiar ainda mais a Copa, foi o amistoso entre Brasil e Sérvia, no estádio do Morumbi. No jogo foram contabilizados 63 mil torcedores no estádio, boa parcela eram brasileiros que torciam ferozmente para a vitória da seleção brasileira. Outra coisa, estamos agora em um mês aonde o comercio é tomado por apetrechos de festa junina, porém com maior demanda para objetos para a Copa muitos comércios substituíram os produtos voltados para a festa junina, para que fossem vendidos objetos voltados para o evento visando logicamente o lucro, porque se a maior demanda há assim o lucro.

Contudo, desde que nos entendemos por gente acontece a roubalheira, corrupção, e manipulação. Promover greves e mais greves não adiantará em nada agora (como foi dito por Joana Havelange), então vamos sim reivindicar o que é nosso por direito, mas se o fizermos agora ao invés de acharmos uma solução, vamos tumultuar tudo o que queremos que melhore e acabará em pizza, como sempre! Façamos um bom uso do nosso voto, nas urnas eleitorais em outubro.

Por. Camilla Brunetto 
compartilheisso@outlook.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.