Badoo lança série e podcast com debate sobre saúde mental

O Badoo, maior rede de descoberta social do mundo, lançou na Semana Internacional da Saúde Mental, o primeiro podcast da série “Conexões”, que irá debater a importância de se aceitar e de preservar seu bem-estar emocional. O conteúdo é supervisionado por psicólogos e especialistas, que pretendem dar continuidade à campanha para promover saúde mental iniciada no último mês.

Dando continuidade nas ações de saúde mental iniciadas no último mês, o aplicativo revela que a partir de 12 de outubro, distribuirá cards em sua área de “Encontros” com a tag #PegueLeve abordando temas como rejeição, autoimagem, fotos indesejadas, trolling e até mesmo catfishing.

Já no recém-lançado canal do YouTube do Badoo, a psicóloga e influenciadora Amanda Fitas e as YouTubers Alexandra Gurgel e Karol Queiroz se reúnem com outros Criadores de Conteúdo para abordar temas importantes em 12 episódios de podcast, com dicas para aprender a lidar com o ex-namorado, a trabalhar melhor a aceitação de corpo, a autoestima e também como iniciar uma conversa, por exemplo. A ideia é ajudar as pessoas a terem mais confiança e a saber como buscar ajuda ao enfrentar alguns destes problemas.

“Queremos que as pessoas se sintam mais seguras e mais confiantes, além de tornar a jornada dos encontros mais leve e descontraída”, explica Martha Agricola, Diretora de Marketing do Badoo.

No primeiro episódio, lançado na última terça, dia 8, Amanda Fitas e a youtuber Alexandra Gurgel abordaram o tema “Match comigo Mesmx” em que explicaram a importância da autoaceitação. “Você passa a vida inteira dentro do mesmo corpo e você vai passar esse tempo todo odiando quem você é? A gente tem que aceitar mesmo. Aceitar quem nós somos é o primeiro passo, porque isso reflete em nossos relacionamentos”, reflete Alexandra.

Para ela, essa não aceitação pode afetar até nos menores detalhes do dia a dia e, claro, também nos relacionamentos que podem mexer com o psicológico das pessoas. “Quando a gente não se ama, não se aceita, e nos odiamos, ficamos vulneráveis a aceitar relacionamentos abusivos, porque nos apegamos à primeira coisa que aparece em nossas vidas”, comenta.

Elas finalizam o conteúdo com dicas de autoestima e passando uma mensagem positiva. De acordo com Amanda, a base para gostar de si mesmo é se entender e se aceitar. “Para você ter autoestima e se aceitar, você tem que pensar em você primeiro sempre. Se você não pensar em você, quem vai pensar? Dê match com você!”, finaliza.

Assista ao primeiro episódio da série “Conexões” aqui

Ou ouça em sua plataforma de streaming favorita aqui

CASTBOX: https://bit.ly/33bPfQa
SPOTIFY: https://spoti.fi/33hEYSH
DEEZER: https://bit.ly/35eZVzi
ITUNES: https://apple.co/2IAsTQt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.