Living Colour fará show em São Paulo comemorando 30 anos do álbum “Vivid”

A banda Living Colour, que traz a perfeita mistura de Rock, Jazz e Funk, estará em São Paulo, no dia 14 de junho na casa de shows Tropical Butantã. A turnê comemora 30 anos do lançamento do álbum “Vivid” lançado em 1988, que será cantado na íntegra pelo quarteto, que é uma das bandas mais importantes no cenário do Rock Mundial.

Com letras que versam sobre igualdade social e crítica a discriminação racial, o Living Colour traz em sua bagagem letras que exaltam a cultura negra. A música Pride, que também dá nome álbum de 1995, critica a forma como a ancestralidade africana é ensinada:

“História é uma mentira que eles ensinam na escola, uma visão fraudulenta chamada a regra de ouro. Uma terra pacífica que nasceu a civilização, Foi roubada de suas riquezas,sua liberdade, seu orgulho”.

A música “Elvis is Dead” do álbum Stain, a banda questiona a imagem de Elvis Presley construída pela mídia, o consagrado “Rei do Rock” tinha como uma de suas principais influências o Blues, gênero musical que se desenvolveu das raízes musicais africanas e originado por afro-descendentes escravizados em fazendas norte americanas:

“Elvis era um herói para a maioria, mas esse é o ponto, um homem negro o ensinou a cantar e ele foi coroado rei”.

A banda estadunidense é formada pelo vocalista Corey Glover, o guitarrista Vernon Reid, o baixista Doug Wimbish e o batera William Calhoun.

Formada em 1984, o grupo se apresentava em espaços underground de Nova York e causava muito impacto em suas apresentações, pela performance, por todos os integrantes serem negros e pela mistura musical que torna a banda única.

O quarteto já esteve outras vezes no Brasil, e se apresentaram no Rock in Rio em 2013, ao lado da cantora africana Angelique Kidjo. Além do talento próprio, a banda teve a ajuda do Mick Jagger, vocalista dos Rolling Stones, que assistiu uma apresentação da banda e ficou extasiado com o que viu. Logo, decidiu ajudá-los e assim a banda fechou seu primeiro contrato com a gravadora Epic Records para lançar o álbum “Vivid”.

Uma das faixas mais famosas do disco é, sem dúvida, a música “Cult of Personality”, logo atrás vem Glamour Boys e Open Letter, que tiveram seus videoclipes exibidos na MTV Americana, e também brasileira. Além deste álbum, o quarteto também lançou Time’s Up (1990), Stain (1993), Collideøscope (2003), The Chair in the Doorway (2009) e Shade (2017).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *