Veja 5 motivos para ler “Eu me iludo, sim”

Faltando apenas cinco dias para o lançamento de “Eu me iludo, sim”, destacamos cinco, dentre os muitos outros motivos, para você ler o livro de Lucas Nascimento que chega em algumas livrarias em São Paulo e no Rio de Janeiro na próxima semana.

1 – Senso de humor 

Durante todo o livro, Lucas trata seu leitor como se fosse seu próprio amigo, esse é um dos maiores diferenciais da obra. Ele desabafa, coloca para fora todos os seus sentimentos, angústias, medos – e claro, muitas ironias. Ao ler “Eu me iludo, sim” é garantido que você dê muitas e boas risadas.


2 – Reflexões

Que está difícil de viver amor recíproco nos dias atuais, uau, a gente já está careca de saber, mas e quando a gente tem um livro inteirinho que parece um manual de como ‘tentar’ se dar bem nos ‘relacionamentos rapidinhas’ dos dias atuais? Pois é, “Eu me iludo, sim” traz centenas de frases inspiradoras, pra pensar, colocar em prática, ou simplesmente, pra postar no Facebook e guardar para a posteridade. Talvez seja por isso que Lucas Nascimento ganhou um perfil no maior site de frases da América Latina. 




3 – Quebra tabus

Século 21, 2016, está cada mais fácil de as minorias se empoderarem, as mulheres alcançarem seus direitos iguais aos dos homens, os gays de serem quem são sem medo de serem vítimas de uma sociedade homofóbica, mas isso não acontece o tempo todo e em todos os lugares. “Eu me iludo, sim” mostra o drama que é ser gay numa família tradicional, religiosa e que não aceita muito bem essa diferença em um membro da família. Além disso, o livro trata de preconceito, heteronormatividade, rótulos… – explica até como seria uma pessoa certa para se manter um relacionamento. Olha, não é em todo livro que você vai encontrar esse tipo de coisa.

 
4 – Aprendizado

Sempre disseram por aí que “ler ajuda a aprender alguma coisa”, não é? Pois bem, “Eu me iludo, sim” te ensina a ser o melhor que você pode ser em diversas circunstâncias. Tipo: será que se iludir é tão ruim assim quanto parece? Será que você precisa encontrar a metade da sua laranja pra ser feliz? Como é que faz pra não se decepcionar tanto em um relacionamento sendo apenas você mesmo? Por que os gays não namoram? Bom, tudo isso você vai entender, e aprender, lendo o livro.



5 – Realidade

Acredite ou não… mas 90% do que é narrado no livro aconteceu de verdade! Sim! Você pode pensar que não é possível ser tão trouxa, mas é. E por ser tão real, o livro ajuda você a compreender que não deve cometer os mesmos erros. Talvez por ser tão real, você, leitor, se identifique ainda mais com a história e nós temos certeza que vai querer sair por aí gritando mundo afora que não é “único iludido do mundo”.


Bom, já te demos cinco bons motivos para comprar o livro. Por isso, abaixo segue o evento oficial de lançamento em São Paulo. Participe e aproveite a tarde de autógrafos para bater aquele papo cabeça com o autor sobre o que o motivou a criar a obra.

O evento de lançamento de “Eu me iludo, sim” rola no próximo sábado, dia 23, às 16h na Vila Madalena, em São Paulo. Na Rua Luis Murat, 40, no Patuscada – Livraria, Bar & Restaurante. Saiba mais clicando aqui. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *