Não matem Justin Bieber como mataram Amy

Vocês conhecem uma guria chamada Amy Winehouse? Essa guria era cantora também, super premiada e prestigiada, podre de rica e ela amava o que fazia, amava mesmo.

Mas ela começou ser tão pressionada que teve depressão e pra fugir dessa pressão, o marido e ela começaram a usar drogas. Tinha dias que ela ficava tri bêbada pra não ter condições de subir no palco e fazer seus shows. Vários deles foram cancelados. Ninguém entendia absolutamente nada, criticavam, falavam pouca bosta e nem sabiam o porquê que aquilo acontecia. Ela tinha a obrigação de ser “feliz”.

Com isso ela foi se acabando nas drogas, no álcool, nos remédios e um belo dia, no auge da carreira, aos 27 anos, ela foi encontrada morta em seu apartamento em Londres . O mundo se comoveu! Tão jovem e rica, tinha de tudo e era uma drogada insana – agora morta. O mesmo aconteceu com um cara chamado Michael Jackson.

Uma pergunta: vocês querem que a mesma história se repita com um novo personagem? Ele pode ser um homem, loiro, bonito, com lindos olhos castanhos escuros, com 22 anos de idade, que acabou de lançar um álbum chamado “Propósito” e decidiu rodar o mundo mais uma vez em turnê. Vocês querem ver o mundo se entristecer novamente? Querem ver uma ambulância chegar na casa desse homem e ver uma maca sair de lá com um pano branco cobrindo esse corpo? Vocês querem mesmo chorar a morte eminente do ídolo de vocês?

Em 2013, Justin passou ao meu lado. Há uns 10 metros de onde eu estava. Deu pra olhar no fundo dos olhos dele e ver o quão triste ele era por dentro. Eu me preparei pra essa turnê, vou vê-lo em breve. Queria o meet? Sim! Queria e muito. Um abraço sincero e sem interesse é tudo que ele precisa no momento. Mas a gente não quer só isso: queremos mostrar no Facebook, tombar nosso Instagram e sair falando de boca cheia pro mundo inteiro: “Eu tenho uma foto com o Justin Bieber”.

E ele? E a humanidade dele? Justin é uma pessoa pública. Sentimos que somos donos dele. É o nosso objeto animado que canta, dança e faz fotos sexy de cueca pra Calvin Klein.

Se ele cancelou o meet, aceitem felizes como eu estou aceitando. Nunca pedi nada.
Eu ainda prefiro ver muitos sorrisos sinceros dele pra mim no palco, do que ver o corpo dele logo em breve estirado num caixão. Eu não quero que seja tarde demais pra pedir ‘perdão’.

Eu falo muito mais sobre esse tipo de assunto no snapchat: lucasnascimentp – siga-me <3


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *