Eu sou um camaleão


Eu gostaria que esse texto fosse lido por diversas pessoas que de uma forma ou outra já fizeram parte da minha vida. Mas, eu não gostaria que tudo voltasse a ser como antes, porque é fácil querer que o tempo volte, e é difícil ir em frente e enfrentar novas realidades, novas perspectivas, novos jeitos de pensar, e de enfrentar um novo mundo. 
É até engraçado, mas coisas que jamais imaginei pensar e fazer, hoje eu faço com maior naturalidade, devido a uma nova visão de vida que eu obtive. Coisas que jamais falaria e ou pensaria, hoje penso e falo sem pudor. Por que? O meu mundo mudou. 

Eu tenho no facebook mais de mil amigos, e isso faz com que eu veja diversas pessoas defendendo suas crenças, opiniões, visões de mundo, frases de autoajuda, outras dizendo que querem desistir, outras apenas compartilham do pensamento dos outros, não dá nem pra saber se ela tem ao menos 1% de senso crítico, todas as evidências mostram que não. Mas eu só estou escrevendo esse texto porque no meio desta multidão de pessoas, uma frase na linha do tempo de um amigo me chamou a atenção e me fez voltar à minha época de ensino médio. “O ser se adapta ao meio ou morre”, saudade da minha professora de Biologia que falava isso tentando nos ensinar sobre a cadeia alimentar, eu aprendi outra coisa. O ser humano é como uma camaleão, pra quem não sabe esse animal, ele muda de cor, conforme o ambiente que ele está, isso para se proteger e etc. O ser humano não tem sua cor de pele mudada, ele muda por dentro, o que muda num ser humano quando ele sai de um ambiente e vai para outro são as atitudes e o seu comportamento. 

Hoje, eu me sinto um camaleão. Eu mudei. Mudei perspectivas que anteriormente eu jamais pensaria em mudar, eu terminei um relacionamento que já estava a beira do altar, eu não tenho mais tanto contato com amigos que eu considerava irmãos, eu parei de frequentar alguns lugares que já me fizeram bem, mas que de um tempo pra cá, começou a fazer mal. Conquistei novos amigos, adquiri uma nova visão sobre muita coisa, enfim, me adaptei ao meu novo meio. 

Se eu recebo críticas? Muitas e o tempo todo. Mas aprendi também a relevar, críticas não mudam nada, só me dão forças pra continuar. E aprenda: quer que as pessoas gostem muito de você e que elas vá com tua cara? Aceite e concorde com tudo o que elas disserem. Falta de personalidade gera ótimos amigos e entendedores. Personalidade própria promove o ódio e a discórdia, aí elas vão te odiar. Pois é, eu sou um camaleão. 

Por. Lucas Nascimento
compartilheisso@outlook.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *